25.3.14

Um prato de massa que é um vício...

Acho que já disse por aqui, o quanto eu adoro um bom prato de massa. E pelo menos, aqui, lembro-me de falar no quanto eu adoro todos os tipos de pesto. Esta é a última combinação com ambos, pela qual estou completamente viciada. 

A estrela aqui é definitivamente o pesto de pimento e sementes de abóbora, que transforma de tal maneira um simples prato de massa, que ficamos a "ronronar" de prazer a cada garfada.



Não se coíbam de alterar os vegetais da receita para outros que sejam mais ao vosso gosto, na verdade, eu acho que ele fica bem com praticamente tudo. Até uma simples salada fica divinal temperada com 1 colher deste molho, em vez do habitual azeite+vinagre.

Massa com pesto de pimento e abóbora
adaptada do livro "Receitas Simples&Rápidas"


300g de massa integral
1 colher de sopa de azeite
1 cebola grande cortada às meias luas finas
1 cenoura grande cortada em tiras finas ou raladas grosseiramente
10 tomates cereja cortados ao meio
sementes de abóbora para decorar
folhas de manjericão q.b. para decorar
sal q.b.
300g de peito de frango cortado aos cubos pequenos (opcional)

Pesto:
1 dl de azeite
35g de queijo parmesão ralado
2 dentes de alho grandes
1 colher de sopa cheia de sementes de abóbora
1/2 pimento vermelho grande

Colocar a massa a cozer numa panela grande com água a ferver, temperada com sal.
Colocar todos os ingredientes do pesto no copo da bimby, ou usando uma picadora ou varinha mágica, triturar tudo até obter um molho. Reservar.
Numa frigideira grande, aquecer o azeite e saltear as cebolas até ficarem translúcidas.
Se usar o frango, acrescentar e deixar saltear durante uns 5 minutos, mexendo de vez em quando, até ficar corado.
Juntar a cenoura, e deixar saltear mais uns 2 minutos.
Adicionar os tomates e deixar saltear 1 minuto, abanado a frigideira para eles saltearem por todo.
Juntar a massa cozida e o pesto, e mexer até ficar tudo bem envolvido. 
Servir cada prato polvilhado com sementes de abóbora e rasgar algumas folhas de manjericão por cima.




Aqui a versão vegetariana, sem o frango e sem o manjericão, uma vez que não tinha. Se não gostarem de manjericão ou não tiverem, não há problema que o prato fica igualmente muito bom! Mas se tiverem, e gostarem do sabor, não se esqueçam de o utilizar no fim, rasgando as folhas como os italianos fazem na hora de servir, dá mesmo um sabor extra! Que foi o que fiz na próxima foto, na qual também foi usado o frango. 
























Que mais posso dizer para vos convencer a experimentar? Ah!..que é um prato tão simples e rápido, que no tempo que demoram a cozer a massa, tem o jantar pronto para ir à mesa. Sem tempo a perder, e muito sabor a ganhar!



20 comentários:

  1. Um pesto bastante original! A mim já me convenceste a experimentar, pois adoro pimentos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Paula!
      Se adoras pimentos, então com certeza vais gostar deste molhinho...se o experimentares, conta o que achaste.
      Beijinhos e obrigada pela visita

      Eliminar
  2. pois eu também gosto e muito de um prato de massa, sabe sempre tão bem e esse está delicioso e com esse molho, uma perdição.

    beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Para mim, este prato é mesmo uma perdição, Sandra, tenho vontade de o repetir todas as semanas ;)
      Beijinhos

      Eliminar
  3. Respostas
    1. Então já somos 2 doidas por este tipo de molhos :)

      Eliminar
  4. Me ha gustado mucho tu receta con ru permiso me la llevo.
    Besos. "La Cocina de Trini Altea"

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Trini! Fico contente que a leves :)
      Beijos

      Eliminar
  5. Olá Gori :)

    Somos duas !
    Perco-me por uma boa massa, seja ela qual for, não sou esquisita quanto a formatos embora tenha, obviamente, uma ou outra preferência ! :)
    Quanto ao pesto, gosto do de mangericão, deste que nos trazes não tive ainda o prazer de conhecer, mas talvez em breve, pois o aspecto dele deixou-me com água na boca !
    Adorei o conjunto, já almoçava ! ;)

    Um beijinho *

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Isabel! Também gosto muito do pesto de manjericão, mas só o faço no verão quando a minha mãe tem em abundância no quintal.
      Beijinhos

      Eliminar
  6. Eu adoro pesto mesmo!!! É viciante, este ainda não testei, mas já fico com a pulga atrás da orelha :)
    E massa pede pesto não achas? Aliás, massa vai bem com tudo!! Adorei este pratinho :)
    beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Massa e pesto é sempre uma combinação perfeita, seja qual for o pesto, e tu já experimentaste uns tantos que eu ainda não fiz :) experimenta e depois diz o veredicto!
      Beijinhos

      Eliminar
  7. Ola Gori,
    Uma combinação deveras interessante e apetitosa.
    Adorei a combinação e o pesto diferente!
    Beijinhos,
    Lia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Lia! Se calhar os italianos ainda acham que é uma barbaridade chamar este molho de pesto, mas ele é tão bom como o muito tradicional pesto de manjericão :)
      Beijinhos

      Eliminar
  8. Sou perdido por pratos de pasta! O aspecto do teu, está Brutal!! Adorei!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O sabor é brutal, o aspecto não está tão fotogénico como gostaria, pois a fome para comer era tão grande que superou a paciência para fotos :)
      Beijinhos

      Eliminar
  9. É mesmo!
    Adoro pratos de massa e adoro pestos.
    O pimento não costuma ser meu amigo na digestão, mas adoro o sabor e imagino que seja fenomenal. E sim, adoro rasgar umas folhas de manjericão e colocar muito queijo parmesão por cima! Um beijinho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh, Inês, que pena que o pimento te faça essa reacção, porque acho que irias gostar deste molho...e sim muito parmesão por cima é o modo perfeito de finalizar um bom prato de massa :) Beijinhos

      Eliminar
  10. Respostas
    1. Eu bem te disse, Sandra! Sou uma viciada :)

      Eliminar